contato@jedicenter.com.br
Screen Shot 2014 07 24 At 7.03.09 PM

Star Wars VII: A história e o set.

abrams-x-wing-we-have-a-new-x-wing-abrams-latest-star-wars-episode-7-reveal

NOVA X-WING DE EPISÓDIO VII

Escrever sobre o Episódio VII é sempre algo que tomo muito mais cuidado do que escrever sobre Rebels. Não só pela importância, afinal creio que para todos nós a série animada é apenas um bônus, como pela quantidade de notícias. O que gosto de fazer é esperar a reação de outros sites além do que postou a notícia – e muitas vezes o dia a dia me obriga a isso. E aí eu tenho que escolher o que postar. Hoje não vamos ver muitas fotos, vamos nos focar nos spoilers. O primeiro deles é visual e já não pode ser chamado de spoiler: o visual da nova X-Wing do Episódio VII, que você pode ver em detalhes na foto acima e no vídeo logo abaixo, que faz parte da campanha Star Wars: Force for Change.

Se você não notou, ela é um pouco diferente da X-Wing clássica, puxando um pouco mais para o conceito original de Ralph McQuarie, como nos apontou o Twitter oficial da Saga.

Compare (clique para ampliar):640px-X-wing_Fathead

Achou as diferenças???

Screen-Shot-2014-07-24-at-7.03.09-PM

BBC ENTREVISTA LUKE SKYWALKER

Mark Hamil, o eterno Luke Skywalker está de barba, o que segundo ele é obrigação contratual. Ele foi entevistado pela BBC em Londres na premiere de Guardiões da Galáxia e falou um pouco sobre o filme, sem liberar detalhes da história (mas deixando claro que ele, Fisher e Ford estão passando o bastão). Ele fala muito bem do novo elenco e diz que não estava no set no acidente de Ford.

spoilers_2

OS POSSÍVEIS PRIMEIROS 20 MINUTOS DO FILME

Agora aos spoilers: na última semana o Badass Digest soltou uma descrição do que seria o início de Star Wars VII, que você lê traduzido abaixo:

Imagine o letreiro padrão de Star Wars, e quando ele acaba a câmera foca nas estrelas. Mas ao invés de uma nave espacial aumentando na tela nós vemos… uma mão! Uma mão cortada, vagando pelo espaço. Uma mão cortada segurando um sabre-de-luz.

Aquela mão cai em um planeta deserto, onde é a pelas personagens que serão nossos heróis. Uma é Daisy Ridley. O outro é John Boyega, que está interpretando alguém tentando mudar seu caminho na vida (de novo, estou sendo vago aqui). Eles reconhecem o sabre como uma relíquia Jedi e decidem devolvê-lo para o povo correto.

A missão deles os leva para fora deste mundo, e eles encontram Han Solo e Chewbacca, que não estão mais voando por aí na Millenium Falcon, mas estão pilotando… Bem, isso poderia ser um spoiler. Eu deixarei assim. De qualquer jeito, Han e Chewie reconhecem o sabre como sendo de Luke, e eles dizem que não viram o amigo nos últimos trinta anos desde O Retorno de Jedi.

Então começa a missão para encontrar o Mestre Jedi perdido. Enquanto isso, em um planeta de gelo, forças nefastas estão construindo uma super armas, uma capaz de destruir não planetas, mas sistemas solares inteiros.

De acordo com o último podcast do Making Star Wars, isso deve tomar os primeiros 20 minutos do filme.

A começar pelo óbvio: estamos falando aqui da mão mecânica de Luke Skywalker, não a cortada em Bespin. Enquanto o Making Star Wars se empolgou e fez não uma, mas duas (aqui e aqui) análises do pequeno texto, Brian Cameron do Jedi News disse em seu Twitter que o que ele ouviu foi que o filme começa com uma nave espacial caindo em Tatooine em um evento que muda a personagem de John Boyega.

Ele se refere ao boato anterior de que John Boyega é um stormtrooper que se acidenta em uma batalha sobre Tatooine (ou qualquer que seja o planeta desértico que sabemos que estará no filme, que não é Tatooine de acordo com o mesmo Badass Digest), é salvo por Daisy Ridley e se volta contra o Império. Pode até ser que isso seja algo mencionado antes da mão caindo, ou mesmo que as duas coisas aconteçam na mesma batalha.

De qualquer jeito, é extremamente possível que uma boa parte do filme seja realmente uma busca por Luke Skywalker, visto que esse mesmo boato veio de várias fontes em vários momentos (4, de acordo com o Star Wars 7 News). 

Consideremos que nave e mão caem em “talvez-Tatooine”. Ainda de acordo com o podcast, Ridley vê a nave de Boyega caindo e encontra o sabre-de-luz no local da queda. Ela identifica a relíquia por “algo que seu pai sabe”. Eles também acredito que possa haver uma mensagem no sabre que indique o caminho para Ridley, baseado no fato de que essa ideia quase foi usada no Episódio V e existe uma fonte que diz que um item não usado anteriormente seria utilizado neste roteiro.

Sobre Han e Chewie não pilotando a Falcon, existem boatos de que Oscar Isaac está no comando da Falcon durante o filme e que pode ser o filho de Han. Porém, outro rumor aponta que Isaac ganhou a Falcon de Han em algum ponto no passado e é um mercenário que Han contrata para ajudar os heróis.

Aí cai em mais um detalhe que tem deixado fãs loucos por aí: Han e Luke não se viram por 30 anos??? Embora eu não goste tanto dessa parte, existe uma argumentação de que se o Império existe, é sinal de que as coisas não foram necessariamente bem (e aí entra a parte de que várias fontes dizem que a Nova República ainda não existe), o que implicaria que talvez eles se afastaram. Ainda assim, mesmo que as coisas tenham ido bem, faz sentido que um Mestre Jedi não veja o tempo todo um mercenário (se Han continuou nessa) ou um comandante da frota rebelde/republicana (se Han seguiu lutando contra o Império). Para Han ter seguido como mercenário, pode ser que ele e Leia tenham se separado, algo que também já correu nos boatos.

A parte mais bizarra de todas, na minha opinião, é a nova arma mortal do Império, que agora destrói galáxias. Espero, do fundo do coração, que não partam pra isso. E olha que temos uma mão com sabre que sobrevivem à reentrada na atmosfera de um planeta. Pulemos estão para o próximo tópico.

PERSEGUINDO UM STORMTROOPER

Tivemos logo depois uma informação que não é tão interessante quanto essa de cima, no escopo de que não fala do início do filme em si, mas que talvez seja mais verdadeira. O mesmo Badass Digest fala do papel de Gwendoline “Brienne de Tarth” Christie. Anteriormente falamos que ela poderia ser uma stormtrooper de armadura prateada. Porém, agora parece que ela é uma comandante imperial, aliás, a comandante de John Boyega e que está caçando Boyega depois que ele deserta. Porém, a fonte diz que ela está treinando com um sabre-de-luz. Logo, seria ela uma oficial do Império que usa um sabre-de-luz?? Lembra um certo Inquisidor…

O que acham?

Mestre Yoda

Mestre Yoda na verdade se chama Jair e é um engenheiro nerd que se pudesse ganharia dinheiro com Star Wars. Como não pode, fica enfiado nos detalhes do Universo Expandido e das obras para telinha da saga o máximo que pode. Só vê uma possibilidade de Star Wars ser melhor do que é: The Beatles como trilha sonora!