contato@jedicenter.com.br
Template Cover Site

O futuro de Star Wars no cinema pode não se apegar aos elementos clássicos

Em uma entrevista com o portal Coming Soon, o co-escritor de Rogue One, Gary Whitta afirmou que Lucasfilm não está procurando basear futuros filmes da saga em personagens já estabelecidos. Em vez disso, a empresa preferiria contar novas histórias e desenvolver novos personagens, planetas, etc passados naquela Galáxia sempre em expansão. Confira um trecho:

Eu acho que você já nos viu chegar a 90% do caminho com “Rogue One”. Sim, você vê Leia, sim você vê a Estrela da Morte e Vader, porque esses são elementos dessa história e eles pertencem lá, você não pode contar essa história sem esses personagens. Mas 90% dessa história são personagens completamente novos. Planetas e lugares que você nunca viu antes. É um filme de Star Wars sem Jedi! Você não vê um sabre de luz uma vez até Vader aparecer no final. Não tem nenhuma espiritualidade ou misticismo além do pouco que vemos através do personagem de Donnie Yen, mas é um DNA muito diferente dos filmes de Star Wars que vieram antes dele. Eu realmente gosto do fato de que tentamos fazer algo diferente. O próximo spin-off é ‘Han Solo’, esse é outro personagem familiar, mas eu acho que cada vez mais você vai ver (filmes sem estes personagens)… Uma das coisas que realmente queremos fazer na Lucasfilm é criar um universo e não continuar confiando no legado de antigos personagens. Temos Rey e Finn e Kylo Ren, eles já introduziram uma nova geração de personagens. Seja qual for o tipo de filmes de Star Wars que eles estarão fazendo em 10 ou 20 anos a partir de agora, eu não acho que eles vão contar com os mesmos elementos clássicos da história como temos no passado.

Marcelo Skywalker

Escória Rebelde do interior de São Paulo. Pode ser encontrado mais on-line do que na vida real pelo Twitter ou pelo Facebook

This Post Has One Comment

  1. Caíque Guirao

    O importante é que os filmes sejam bons. Só isso.

    Rogue One foi apenas divertido, não por não ter muitos elementos clássicos, mas sim porque o roteiro foi meio fraco, mesmo. Tem alguns pontos fortes como a guerra e tal, mas os personagens, quase todos, não têm carisma, a história foi meio mais ou menos e não desenvolveu legal.

    Tomara que o filme do Han seja melhor! 🙂

Comments are closed.